Página Inicial >> Notícias >> Jair Bolsonaro tem febre e exame constata pneumonia

Jair Bolsonaro tem febre e exame constata pneumonia

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) deve permanecer por mais um tempo internado no Hospital Albert Einstein. Segundo boletim médico divulgado nesta quinta-feira (07 de fevereiro), o presidente teve episódio isolado de febre ontem, sem outros sintomadas associados. Ele foi submetido à tomografia de tóras e abdome, a qual evidenciou boa evolução do quadro intestinal, mas também identificou uma imagem compatível com pneumonia.

De acordo com o porta-voz Otávio do Rêgo Barros, o estado do saúde de presidente era esperado, considerando-se o pico térmico que o acometeu na noite de ontem – ele chegou a cerca de 38ºC. “Por precaução os médicos fizeram exame de imagem, incluso tomografia por contraste. O pulmão tinha uma imagem que era compatível com pneumonia”.

O boletim médico divulgado hoje aponta que foi realizado um ajuste na antibióticoterapia e mantidos os demais tratamentos. “Continua sem dor, com sonda nasogástrica, dreno no abdome e recebendo líquidos por via oral em associação à nutrição parenteral”. O presidente também realizou exercícios respiratórios e caminhou no corredor do hospital, mas por ordem médica as visitas permanecem restritas.

Para debelar a pneumonia, que teria uma causa bacteriana, e não viral, os médicos optaram por acrescentar ainda uma nova medicação, um antibiótico de amplo espectro.

Bolsonaro está internado desde o dia 28 de janeiro, quando passou por uma cirurgia para retirar uma bolsa de colostomia e refazer a ligação entre o intestino delgado e parte do intestino grosso. Hoje, o Palácio do Planalto divulgou ainda uma imagem do presidente caminhando pelo hospital com a sonda nasogástrica e fazendo sinal de positivo.

Compartilhar nas redes