Página Inicial >> PMST >> Serra Talhada é exemplo da efetividade das vacinas contra a Covid-19

Serra Talhada é exemplo da efetividade das vacinas contra a Covid-19

Há cerca de quatro semanas, cidades do Sertão do Pajeú, tem acompanhado com apreensão a escalada dos casos de Covid-19 no município de Serra Talhada, uma das 17 cidades que compõem a região.

Do dia 29 de novembro até esta sexta-feira (10), foram 563 novos casos confirmados no município.

Não se sabe ao certo o que pode estar causando esta escalada nos casos de Covid-19 na cidade. Uma das causas apontados por pessoas que residem no município em conversa com a reportagem do blog, seria a falta do uso de máscaras por boa parte da população.

A situação vivenciada em Serra Talhada preocupa autoridades de todo o Sertão do Pajeú, visto que a situação pode atravessar os limites da cidade e voltar a provocar uma onda de contaminação na região.

A prefeita Márcia Conrado anunciou no dia 30 de novembro que a Prefeitura de Serra Talhada não realizará a programação do Réveillon 2021 e nem do Carnaval 2022, em virtude do aumento de casos de Covid-19.

Em 4 de julho uma nota emitida pela Secretaria Municipal de Educação informou sobre a adoção de medidas restritivas nas escolas municipais com a possibilidade de fechamento de instituições de ensino nos próximos dias.

Nesta última semana, quando a cidade registrou 201 novos casos da doença, 42 dos infectados são menores de 12 anos.

Por outro lado, o aumento de casos na cidade serve para mostrar a efetividade das vacinas. Dos 201 casos registrados nesta semana, 141 são de pessoas vacinadas contra a Covid-19; 37 tomaram a primeira dose; 84 a segunda; 15 a vacina de dose única; e 5 estavam imunizados com a dose de reforço.

O dado reflete na ocupação hospitalar e nos óbitos. Apesar da curva ascendente de casos positivos, a cidade tem mantido estável o número de pacientes internados e último óbito pela doença foi registrado em 25 de novembro.

De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado na sexta-feira (10), A cidade tem sete serra-talhadenses internados na rede pública do município, todos em leitos de UTI.

Vigivac – A primeira edição do boletim sobre a efetividade das vacinas contra Covid-19 na população brasileira, do projeto Vigivac da Fiocruz, foi publicada na quinta-feira (9). O informe, que apresenta análises das quatro vacinas administradas no Brasil, de janeiro a outubro de 2021, aponta que todas conferem grande redução do risco de infecção, internações e óbito por Covid-19.

Conforme publicado na Coluna do Domingão de hoje, a proibição de acesso a espaços públicos no judiciário,  estado e alguns municípios, aumentou a procura de negacionistas aos postos de vacinação. Ignorância se combate assim.

Por André Luis