Página Inicial >> Notícias >> Barragem se rompe no Agreste de Pernambuco, e mais de mil moradores são tirados de casa

Barragem se rompe no Agreste de Pernambuco, e mais de mil moradores são tirados de casa

A barragem Guilherme Pontes se rompeu na tarde segunda-feira (15) na zona rural de Sairé, no Agreste de Pernambuco, e invadiu a cidade de Barra de Guabiraba, também no Agreste. De acordo com a Defesa Civil, mais de mil pessoas precisaram ser retiradas das casas.

A água do reservatório deixou as ruas de Barra de Guabiraba inundadas. O rompimento também atingiu a cidade de Cortês, na Zona da Mata Sul. O número de vítimas ainda não foi informado pela Defesa Civil. A barragem tinha mais de 20 anos e não aguentou a força da água vinda do Rio Sirinhaém.

“A prefeitura tem tomado as precauções e está comunicando ribeirinhos e para as cidades vizinhas. Essa quantidade de água nunca foi vista na cidade”, afirmou o prefeito de Sairé, Fernando Pergentino.

A Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) informou que o Agreste registrou chuvas moderadas e fortes durante todo o dia. A cidade de Barra de Guabiraba registrou 57,7 milímetros de chuva, enquanto em Sairé choveu 82,20 milímetros.

Ainda segundo a Apac, A previsão é que as chuvas continuem ao longo da madrugada e de toda terça-feira (16).

(G1-PE)

Compartilhar nas redes