Página Inicial >> ASSESSORIA DE IMPRENSA >> SAUDE >> Covid-19: Pajeú conta com 3.621 casos confirmados, 2.983 recuperados e 77 óbitos

Covid-19: Pajeú conta com 3.621 casos confirmados, 2.983 recuperados e 77 óbitos

De acordo com os boletins epidemiológicos divulgados nesta segunda-feira (03.08), pelas secretarias de saúde dos municípios do Pajeú, a região totaliza 3.621 casos confirmados de Covid-19Dez cidades registraram 99 novos casos nas últimas 24 horas.

Portanto, os números de casos confirmados no Pajeú ficam assim: Serra Talhada continua liderando o número de casos na região e conta com 2.084 confirmações. Logo em seguida, com 333 casos confirmados está Tabira São José do Egito está com 261 casos confirmados, Afogados da Ingazeira está com 209 e Carnaíba está com 110 casos.

Calumbi está com 99, Triunfo está com 82 casos, Flores está com 80, Quixaba tem 63,  Iguaracy tem 53,  Brejinho esta com 51, Itapetim está com 49, Tuparetama tem 43, Solidão tem 36, Santa Cruz da Baixa Verde tem 32, Santa Terezinha tem 25,  e Ingazeira tem 11 casos confirmados.

Mortes –  Serra Talhada registrou mais um óbito. A paciente era idosa, 68 anos, moradora do São Cristóvão. Ela era hipertensa, diabética e estava internada no Hospam, onde faleceu no último dia 31 de julho. O resultado do exame foi divulgado nesta segunda (03.08).

A Região tem agora no total, 77 óbitos por Covid-19. Até o momento, treze cidades registraram mortes. São elas: Serra Talhada 27, Triunfo 9, Afogados da Ingazeira e Carnaíba tem 7 óbitos cada, Tabira e Flores tem 5 óbitos cada, Quixaba, Iguaracy, Tuparetama e Itapeitm tem 3 cada, São José do Egito e Santa Terezinha tem  2 óbitos cada, Calumbi tem 1 óbito.

Recuperados – Nas últimas 24 horas, a região registrou cento e trinta e quatro novas curas clínicas, totalizando 2.983 recuperados. O que corresponde a 82% dos casos confirmados.

O levantamento foi fechado às 07h30 desta terça-feira (04.08), com os dados fornecidos pelas secretarias de saúde dos municípios.

Por André Luis/Nill Júnior

Compartilhar nas redes