Página Inicial >> ASSESSORIA DE IMPRENSA >> PÁGINA POLICIAL >> Mulher de 73 anos é estuprada e morta

Mulher de 73 anos é estuprada e morta

Uma mulher de 73 anos morreu após ser estuprada por um administrador de empresas de 36 anos. O crime aconteceu na manhã de domingo, 2, na Cohab, em Monte Verde Paulista, distrito de Cajobi.

O corpo de Nadir Faneco foi encontrado na cozinha de sua casa por uma vizinha e o suspeito foi visto fugindo pelo muro dos fundos.

André Roberto Cardoso foi localizado em um canavial pela PM de Cajobi e levado à Delegacia de Olímpia, onde foi preso em flagrante e encaminhado à Cadeia de Colina. Nadir era viúva e morava sozinha. A idosa será enterrada nesta segunda-feira, 3 e deixa quatro filhos.

De acordo com o relato do vizinho à polícia, Nadir estava varrendo a calçada de casa, como de costume, por volta das 6h30.

Mais tarde, ao ver a porta da casa da idosa aberta e não ouvir barulho, o vizinho desconfiou de algo e entrou na residência de Nadir. Foi quando ele chamou sua filha, que encontrou a idosa morta, seminua e com sinais de violência sexual. O Samu e a polícia foram acionados até o local.

O suspeito foi encontrado desmaiado no meio do canavial com um cadarço enrolado no pescoço. Após ser levado para a UPA de Olímpia, André foi encaminhado à delegacia da cidade e preso em flagrante por estupro seguido de morte.

Segundo a polícia, André confessou o crime e disse que não tinha a intenção de roubar ou matar a idosa. Ainda segundo o administrador, ele estaria voltando de uma festa em Severínia e estava embriagado quando abusou de Nadir. André era funcionário de uma empresa em Serverínia e não tinha passagens pela polícia e não era usuário de drogas. (DR)

Compartilhar nas redes