Página Inicial >> ASSESSORIA DE IMPRENSA >> INTERNACIONAL >> Ex-jogador de futebol americano mata a própria filha de 3 anos de forma acidental

Ex-jogador de futebol americano mata a própria filha de 3 anos de forma acidental

Considerado um dos grandes astros da NFL atuando pelo Baltimore Ravens, Todd Heap acabou matando a própria filha de forma acidental na garagem de casa, nos Estados Unidos. Ao manobrar sua caminhonete no local, o ex-jogador de futebol americano não percebeu a presença da criança de três anos de idade e a atropelou na frente de casa.

Todd, de 37 anos de idade, mora na cidade Mesa, no estado do Arizona, e se aposentou da NFL em 2013. Ele matou a filha por volta das 4h da manhã no horário local, sendo que ela chegou a ser levada com vida para o hospital, onde não resistiu e faleceu.

O ex-atleta ficou chocado com a tragédia e não foi preso, já que não aconteceram circunstâncias suspeitas em torno do incidente, segundo afirmou a polícia local. Também foi descartada qualquer hipótese de que Todd estava embriagado ou sob efeito de drogas. Entretanto, as autoridades avisaram que vão seguir investigando o caso para saber o que realmente aconteceu naquela madrugada.

A criança que morreu era a caçula da família do e-jogador de futebol americano. Pai de outros quatro filhos, sendo dois meninos e outras duas meninas, Todd Heap e sua esposa, Ashley, estão inconformados com a morte da filha mais nova. Nenhum dos outros quatro filhos estava na cena do acidente quando ele aconteceu, assim como a esposa.

Todd era “tight end” (posição do esporte em campo), jogou 12 temporadas na NFL com o Baltimore Ravens e o Arizona Cardinals. Foi no Ravens que ele fez mais sucesso nos seus 10 anos atuando na franquia de Baltimore, tanto que continua sendo o líder absoluto da equipe em touchdowns, com 41 no total. As lesões foram as grandes responsáveis pelo fim precoce da sua carreira dentro do esporte.(IG)

Compartilhar nas redes